Motociclistas ajudam a reflorestar Portugal de Lés-a-Lés

Fonte:Lés-a-Lés

Com as inscrições esgotadas bem antes da data limite para marcar presença no 7.º Portugal de Lés-a-Lés Off-Road, o aventureiro passeio organizado pela Federação de Motociclismo de Portugal ganha redobrados motivos de interesse com o regresso da campanha Reflorestar Portugal de Lés-a-Lés.

Advertisements

Ação de sensibilização juntos das populações locais, sobretudo dos mais jovens, que levará árvores de espécies autóctones às cidades, vilas e aldeias atravessadas pela caravana, mostrando as vantagens de plantar cedros, medronheiros, pinheiros-mansos, amieiros, zambujeiros, freixos, salgueiros, sobreiros, azinheiras, zelhas, pilriteiros ou carvalhos. 

Fonte:lés-a-lés

Iniciativa que, nas edições anteriores, levou centenas de árvores aos locais mais afetados pelos fogos florestais e que voltará a animar escolas, juntas de freguesia e centros sociais, entre os dias 1 e 4 de outubro.

Período em que a caravana ligará Mirandela a Vila Real de Santo António, com passagem por Tábua e Arronches, em três etapas a rondar os 300 quilómetros, plenas de descoberta e animação por alguns dos mais bonitos trilhos em fora de estrada.

Das serras transmontanas às praias algarvias, atravessando os vinhedos durienses, as planícies alentejanas, e as serras beirãs e algarvia, a iniciativa gizada pela Comissão de Mototurismo da FMP está aberta a motos trail, de todas as marcas e cilindradas, tamanhos e feitios. Para apreciar paisagens realmente únicas ou as aldeias mais recônditas, através de estradões largos, veredas ou caminhos de cabras, é necessário apenas um mínimo de experiência na condução em todo-o-terreno, um jogo de pneus adaptado aos pisos de terra e sentido de aventura e solidariedade.

Fonte:lés-a-lés

Entusiasmante maratona mototurística, sempre com o máximo respeito ambiental, cuja enorme adesão é também uma mais-valia económica para as regiões atravessadas, nomeadamente com impacto nas áreas da restauração e hotelaria. 

Para aqueles que ainda não têm onde pernoitar, podem contactar a Agência Abreu ([email protected]), enquanto para transporte de motos, para o local de partida ou desde o local de chegada, pode ser combinado através do e-mail [email protected]

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You May Also Like