“Sacrificar” uma Suzuki GN250 ao cubismo

Fonte: FSM

Mal sabiam Pablo Picasso ou Georges Braque, na longínqua primavera do Séc. XX, que no ano de 2022, a Free Spirit Motorcycles iria inspirar-se no movimento artístico pelo qual ficaram conhecidos.

Advertisements

Uma empresa Eslovaca decidiu pegar numa clássica Suzuki GN250, de formas mais arredondadas e aspeto descontraído, e retirar-lhe tudo o que lhe era característico, ficando com um aspeto surreal e quase abstrato, causado pela ausência de linhas curvas. Não fosse o aspeto geral ainda ter o semblante familiar de uma moto, estaríamos certos de que esta obra estaria muito bem num museu dedicado ao cubismo, absolutamente estática.

A historia de Slavo Danko, Fundador da Free Spirit Motorcycles, começa nos anos 80 no meio do motocross, onde começou a costumizar motos trabalhando depósitos em fibra, assentos personalizados entre outras peças.

Agora com o renascer dessa paixão pelo fabrico de peças decidiu abrir a sua oficina onde constrói estas máquinas personalizadas para os seus clientes.

O design foi meticulosamente projetado digitalmente, antes de ser tornado realidade – e por muito que se olhe para as imagens disponíveis, algumas ainda em renderizações em 3D, não parece ser possível que se tenha tornado realidade.

De maneira a se conseguir obter as formas geométricas necessárias para concretizar este projeto, Slavo recorreu à fresagem em 3D.

Com essas peças, só restou montar o puzzle em que as peças se acoplam harmoniosamente para dar uma estética bastante agradável, de um produto final bem acabado em que as formas parecem alterar dependendo do ângulo que se olha.

Slavo Danko afirma que tem um orgulho especial ao saber que esta criação é praticamente igual ao protótipo, salvo as “imperfeições” do alumínio que dão ainda mais carácter e sofisticação a esta Cubos.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You May Also Like