Até custam mais do que uma casa: As mais caras motos desportivas de sempre

Imagem: Honda News

Algumas das motas mais deslumbrantes que existem são as desportivas. O mais próximas dos modelos de competição que se vêem nas pistas de asfalto, têm soluções e tecnologias que as tornam não só especiais, como também acessíveis… a poucas carteiras. De facto, há algumas que até custam mais do que casas. Eis o top cinco das mais caras de sempre.

Honda RVF750R RC45: 106.144 dólares
Começando com a Honda RVF750 R RC45, o seu custo já superou os 106 mil dólares. Só foram produzidas cerca de 200 unidades, numa mota com componentes internos únicos no que toca aos modelos de produção. A decorá-la no esquema cromático mais atrativo (não o da imagem), as cores HRC dando-lhe um ar ainda mais de competição – o branco, azul e vermelho.

Imagem: Wikimedia Commons

Honda VFR750R RC30: 121.000 dólares
Na linha da entrada anterior, temos a Honda VFR750R RC30. Remontando aos anos 1980 (a 1987, mais concretamente), foi uma das primeiras desportivas modernas, cuja versão de competição granjeou grande êxito e dois títulos no Mundial de Superbike. Escusado será dizer que o preço de uma unidade chegou a níveis astronómicos, rondando os 121 mil dólares. Foram produzidas cerca de 5.000 unidades em todo o mundo.

Créditos: Rainmaker47/Wikimedia Commons

Honda NR750: 181.500 dólares
A Honda começa a dominar a lista, com três em cinco até agora. «Cortesia» da NR750, que pude custar até cerca dos 181.500 dólares. Mais um modelo vincadamente associado aos de competição, dispondo de um potente motor V8 de 750 centímetros cúbicos. Na altura em que foi lançada o preço era mais baixo (60 mil dólares), e ainda assim causava prejuízos à Honda.

Créditos: Rikita/Wikimedia Commons

Honda RC213V-S: 237.700 dólares
Associada à MotoGP da Honda, a RC213V-S tem naturalmente lugar nesta lista. É a «MotoGP» legal para a estrada do construtor japonês, com apenas 250 unidades produzidas – e todas à medida do respetivo proprietário. Cerca de 80 por cento da moto é igual à RC213V do MotoGP, com que Marc Márquez foi campeão. O preço em leilão já superou os 230 mil dólares.

Imagem: Honda News

Tamburini T12: 350.000 dólares
Com um motor BMW de quatro cilindros em linha e 230cv de potência, a Tamburini T12 é um projeto de Massimo Tamburini com toda a carenagem em fibra de carbono. Não há um preço anunciado publicamente, mas segundo o hotcars.com esta máquina que «transpira» potência e desempenho na sua imagem é muito cotada na faixa dos 350 mil dólares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You May Also Like