MO Racing Team rodou no Estoril

Fonte:migueloliveirafanclub.pt

O Circuito do Estoril recebeu este sábado e domingo, 9 e 10 de julho, a 3ª prova do Campeonato Nacional de Velocidade – CNV, bisando o regresso a esta pista em 2022. Com três dos seus cinco pilotos na grelha, a Miguel Oliveira Racing Team voltou a ganhar destaque no Estoril, liderando as sessões e corrida realizadas no sábado na classe Prémoto3, e estando sempre muito próximo do pódio em Supersport300. O desfecho de domingo, no entanto, não traduziu os esforços de pilotos e equipa ao longo de todo o fim de semana e o trio acabou por não classificar na corrida, em qualquer uma das classes.

Advertisements

Representando as cores da equipa de Miguel Oliveira, Afonso Almeida #10 saiu, na sua Beon 250, para a primeira corrida (realizada sábado) na frente do pelotão – lugar conferido pelo melhor tempo conquistado na sessão de qualificação –, e assim se manteve ao longo da esmagadora maioria das 14 voltas da corrida. O piloto da Charneca de Caparica, nos 4.180metros de traçado, mostrou o seu elevado nível competitivo nesta disputada corrida que uniu 17 pilotos em pista, mesmo debaixo das altas temperaturas registadas no Estoril, onde os termómetros ascenderam aos 40 graus.

Fonte:migueloliveirafanclub.pt

Já domingo, a nova sessão de qualificação ditou que Afonso Almeida #10, em Prémoto3, registasse o segundo melhor tempo, o que o fez sair da grelha de partida atrás da ‘pole position’. Logo após o arranque da corrida, o piloto com o #10 sentiu, no entanto, um problema com a mecânica da sua moto, e mesmo tendo ido em busca de auxílio num ‘pit stop’, já não foi possível regressar ao asfalto, apesar dos esforços da equipa.

Francisco Pires #73 e Gonçalo Capote #76 atenderam à primeira corrida do fim de semana (sábado) em Supersport300, largando respetivamente da 8ª e 15ª posição na grelha de partida. Naquela que foi uma das mais disputadas corridas do fim de semana, os dois pilotos da MO Racing Team conseguiram terminar a corrida, na sua categoria, em 4º e 7º lugar.

Fonte:migueloliveirafanclub.pt

Perspetivando o dia de domingo, os pilotos de Cascais e Carnaxide, Capote #76 e Pires #73, embora tivessem trabalhado para a progressão dos seus tempos cronometrados, acabaram por largar de 9 e 15º lugar, respetivamente. Apesar de a recuperação ter sido notória de volta para volta para ambos os pilotos, acabaram também por ser arredados da corrida definitivamente, igualmente por problemas mecânicos.

A equipa do piloto de MotoGP ruma agora ao Motorland, em Aragón, Espanha, para a 5ª prova do ESBK – Campeonato Espanhol de Velocidade, nos dias 23 e 24 de julho

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You May Also Like