Notícias

A última “L2” antes do V4!

newsletter

pub

10 / julho, 2017

Ducati despede-se do mítico motor bicilíndrico nas superdesportivas com a 1299 Panigale R Final Edition.

Com a revelação da exótica 1299 Panigale R Final Edition num evento especial antes da ronda de Laguna Seca do Mundial de Superbike, onde marcaram presença Claudio Domenicalli, CEO da Ducati, e os dois pilotos da equipa de fábrica da marca nesse mesmo mundial, Chaz Davies e Marco Melandri, a casa de Borgo Panigale despede-se do motor bicilíndrico em L nas suas superdersportivas de topo, tendo em conta que em 2018 a Ducati vai colocar na estrada uma nova superdesportiva com motor V4.

Mas chega de falar no V4. Esta notícia é para falar sobre aquela que ficará na história como a última superdesportiva L2 saída de Borgo Panigale.

A 1299 Panigale R Final Edition aproveita parte da versão de estrada da 1199 R que a Ducati utiliza depois para competir no Mundial SBK, como o quadro e suspensões Öhlins, ao qual adiciona o motor Superquadro da 1299 Panigale na sua especificação mais potente de estrada: 209 cv às 11.000 rpm e nada menos que 142 Nm às 9.000 rpm extraídos dos 1285 cc do motor Superquadro.

O motor desta versão Final Edition utiliza uma cambota mais leve, bielas de titânio, material também utilizado nas válvulas de escape e admissão. Os pistões têm apenas dois segmentos, solução derivada diretamente da moto de competição em Superbike. O quadro monocoque em alumínio, que utiliza parâmetros do departamento Ducati Corse, ajuda na obtenção de um peso de 190 kg a cheio, sendo que o sistema de escape utilizado na 1299 Panigale R Final Edition é a versão homologada Euro4 do sistema de escape totalmente em titânio que conhecemos, por exemplo, da exótica 1299 Superleggera ou da moto de competição 1199 Panigale R, com duas ponteiras Akrapovic a sobressaírem na compacta e esguia traseira desta superdesportiva italiana.

 

 

De fabrico numerado, mas não sendo uma edição limitada (!!), a Ducati 1299 Panigale R Final Edition conta com uma pintura “tricolore” que replica as cores da bandeira italiana. Tudo isto por um preço que, apesar de ainda não conseguirmos a confirmação para território nacional, deverá ser acima dos 30.299 €. Um concessionário britânico já revelou valores para Inglaterra, o que daria um preço perto dos 38.000 €, valores que, repetimos, não estão confirmados para Portugal.

No departamento eletrónica, ou ajudas à condução, a Ducati não fez por menos e instala nesta edição especial da Panigale um conjunto de sistemas dignos de destaque: através da Unidade de Medição de Inércia da Bosch (IMU) a 1299 Panigale R Final Edition conta com travagem ABS com função “cornering”, “anti wheelie” EVO, controlo de tração EVO e ajuste do travão motor. Todos os parâmetros das ajudas eletrónicas têm “settings” prédefinidos de acordo com os três mapas de motor à escolha – Sport, Track ou Wet -, mas cada proprietário da 1299 Panigale R Final Edition poder ainda ajustar tudo de acordo com as suas preferências.

 

Em baixo pode desfrutar de uma galeria de fotos da esbelta Ducati 1299 Panigale R Final Edition

 

pub

Destaques

Notícias ver mais
Notícias ver mais Os Bridgestone Battlax S21 com mais de 7000 kms enfrentaram o AIA
Notícias ver mais
Notícias ver mais
Notícias ver mais
Notícias ver mais