MotoGP

Moto2 República Checa: mais um pódio para Oliveira!

newsletter

pub

06 / agosto, 2017

Terceiro lugar para o piloto poruguês da KTM numa corrida difícil em Brno, ganha por Thomas Lüthi.

Após mais de um mês da interrupção estival, que durava desde o G.P. da Alemanha a 2 de julho, o Campeonato do Mundo de Velocidade regressou à ação este fim de semana com o Grande Prémio da República Checa, disputado num dos traçados mais antigos do Mundial, o Automotodrom Brno.
O dia começou com chuva, com as Moto3 a partirem ainda com a pista molhada, que foi secando à medida que a corrida progredia para assistirmos a mais uma vitória do líder do campeonato, Joan Mir, encabeçando um pódio Honda que integrou ainda Romano Fenati e Aron Canet. Com este triunfo, o piloto de Maiorca dispõe agora de 42 pontos de vantagem sobre o seu perseguidor imediato no campeonato, precisamente Romano Fenati.


Chegava então a altura das Moto2. Com a pista seca e apenas com umas manchas húmidas no asfalto, a direção de corrida declarou “dry race” e todos os pilotos partiram com pneus slick, numa grelha que tinha Mattia Pasini como autor da pole position. O italiano de 31 anos conseguiu assim quebrar um longo jejum de uma década sem pole positions no Mundial, isto no dia em que cumpriu o seu 200º Grande Prémio.
Mas foi Miguel Oliveira que, saído da segunda posição da grelha, partia como uma bala para se instalar a sua KTM no comando nas primeiras curvas. No entanto, ainda no decorrer da volta inaugural, o português perdeu a liderança para Pasini, sendo depois passado por Bagnaia e Morbidelli. Mas, a partir daqui, Miguel Oliveira recuperou a compostura e manteve a distância, recuperando depois uma posição, passando Bagnaia para se instalar em terceiro. Na frente, Pasini e Morbidelli, com Miguel à espreita.
No entanto, seis voltas depois são agitadas bandeiras a darem sinal de chuva em algumas zonas do circuito e, à passagem pela linha de meta, Pasini levanta a mão pedindo a paragem da corrida pois a chuva aumentava de intensidade, no que é acompanhado pelos restantes pilotos. A direção de corrida demora algum tempo a reagir e é precisa mais meia volta – e a queda de Dominique Aegerter – para ser mostrada a bandeira vermelha.

Já com pneus de chuva montados, é dada a segunda partida para um “sprint” de seis voltas, que iria definir a classificação final – agora sem recurso à soma de tempos. Desta feita, a primeira fila é composta por Pasini, Morbidelli e Oliveira, mas é Thomas Lüthi (que na primeira parte da corrida tinha estado apagado, rodando em 7º lugar) a assumir o comando.
Thomas Lüthi controlou as operações com autoridade, rumo uma vitória que, não fossem as condições, quase teria parecido “confortável”. Atrás de si, Alex Márquez assegurava a segunda posição, com Miguel Oliveira por perto a garantir mais um pódio. Mais distantes, Luca Marini e Xavi Vierge completam o top 5, com a líder do campeonato, Franco Morbidelli, a não ir além do 8º posto. Entre os homens da frente, a única baixa nesta segunda parte da corrida foi Mattia Pasini, a cair logo na volta inicial.
Com este 2º lugar, Alex Márquez alcança Miguel Oliveira no 3º lugar do campeonato (colocando-se à sua frente com  os mesmos pontos, pois conta com duas vitórias que são fator de desempate), mas, por seu lado, o português ganhou 8 pontos face ao líder Morbidelli, isto a uma semana da sua equipa KTM correr “em casa”, com o G.P. da Áustria no Red Bull Ring a disputar-se já no próximo fim de semana de 11 a 13 de agosto.

Classificação corrida Moto2
1º Thomas Lüthi (Kalex)
2º Alex Márquez (Kalex)
3º Miguel Oliveira (KTM)
4º Luca Marini (Kalex)
5º Xavi Vierge (Tech 3)
6º Simone Corsi (Speed Up)
7º Francesco Bagnaia (Kalex)
8º Franco Morbidelli (Kalex)
9º Remy Gardner (Tech 3)
10º Joe Roberts (Kalex)

Campeonato Moto2
1º Franco Morbidelli (Kalex), 182 pontos
2º Thomas Lüthi (Kalex), 165 pontos
3º Alex Márquez (Kalex), 133 pontos
4º Miguel Oliveira (KTM), 133 pontos
5º Francesco Bagnaia (Kalex), 87 pontos

pub

Destaques

MotoGP ver mais
MotoGP ver mais
MotoGP ver mais
MotoGP ver mais
MotoGP ver mais
MotoGP ver mais