Internacional

Levi Sherwood faz história nos X-Fighters!

newsletter

pub

12 / julho, 2017

2017 será um ano a recordar para os fãs do freestyle motocross com uma atuação soberba de Levi Sherwood no 16º Red Bull X-Fighters em Madrid.

Foi uma noite que os fãs de freestyle motorcross tão cedo não vão esquecer, pois o neozelandês Levi Sherwood fez história enquanto voava para a vitória na praça de touros de Las Ventas, em Madrid, onde se realizou o 16º Red Bull X-Fighters. E nem o piloto de MotoGP Dani Pedrosa quis faltar à festa e fez questão de exibir uma Honda RC213V na praça de Las Ventas para gáudio dos fãs.

Enquanto um dos favoritos à vitória final neste X-Fighters 2017 ficava fora de ação devido a uma lesão, estamos a falar do francês Tom Pagés, que este ano ia tentar a inédita quinta vitória consecutiva neste evento, Levi Sherwood aproveitava todos os momentos que podia para mostrar aos fãs e público o porquê de ser um dos melhores do Mundo neste desporto que a cada dia que passa parece conseguir reeinventar-se com manobras que desafiam a imaginação de todos nós.

 

 

Sherwood alcançou a vitória no Red Bull X-Fighters 2017 com uma “run” que roçou a perfeição: 360 “nac-nac” e umas combinações de “backflips” deixavam antever que o freestyler neozelandês tinha um truque na manga para a “run” final, e de facto Sherwood não desiludiu e realizou uma sequência inédita de dois duplos “backflip”! Estas manobras permitiram a Levi festejar novamente uma vitória no Red Bull X-Fighters, vitória que o próprio atleta admite que lhe soube muito bem porque já há muito tempo não a conseguia. O último triunfo tinha acontecido em 2012.

Na final do Red Bull X-Fighters 2017 participaram ainda o australiano Josh Sheehan e o japonês Taka Higashino, respetivamente segundo e terceiro classificados.

Uma última nota de destaque, para além dos milhares de fãs de freestyle motocross que invadiram a praça de Las Ventas, para o trabalho desenvolvido por Levi Sherwood para conseguir atingir a performance que atingiu neste Red Bull X-Fighters 2017: o neozelandês teve de encontrar forma de reduzir o peso do conjunto moto / piloto no ar. Para isso a sua moto emagreceu 16 kg para um total de 91 kg, enquanto o próprio Levi Sherwood teve de emagrecer 10 kg para um peso de 63 kg!

 

Aqui fica o vídeo da “run” final dos três pilotos que ficaram no pódio do Red Bull X-Fighters Madrid

 

pub

Destaques

Internacional ver mais
Internacional ver mais
Internacional ver mais
Internacional ver mais
Internacional ver mais
Internacional ver mais